Teams

GIAE

EQAVET

Links

Menu

Pais

FOMOS AO TEATRO! 

No passado dia 20 de outubro, os alunos da turma A do 9.º ano do Agrupamento de Escolas Fernão de Magalhães foram ao Cineteatro Bento Martins ver a peça “Oh! Aldegundes, não andes assim toda nua!”, uma versão livre da peça de Georges Feydeau “Mais N’Te Promène Donc Pas Toute Nue!” levada a cena pelo TEF – Teatro Experimental Flaviense, com adaptação de texto, encenação, figurinos e cenários de Ruy de Matos e um elenco de atores que conquistou o público pela brilhante e divertida atuação: Beta Rodrigues no papel de Aldegundes Lavadinho, esposa do Deputado Serapião Lavadinho, interpretado por Gastão Bianchi, casal que protagonizou cenas desconcertantes e hilariantes e ao qual se juntaram o caricato Presidente de Câmara Aristo Avelino, interpretado por Nuno Neves, o jornalista sensacionalista Segismundo Leonildo, interpretado por Rufino Martins, e a criada Oksana, interpretada por Marília Ruivo, bem como um vizinho curioso que está sempre à janela, figura referida que nunca surge fisicamente no palco. O som esteve a cargo de Pedro Freitas que, juntamente com Nuno Neves, fez o trabalho de luminotecnia, e António Crispim foi o assistente de encenação e construção cenográfica. 

Esta 96.ª produção de teatro do TEF retrata de forma satírica e cómica a vida de um político e da sua mulher que anda sempre “com os calores” e que, juntamente com o restante elenco de atores, delicia o público com jogos de palavras, equívocos, gestos e situações cómicas, ambiguidades, duplicidade de sentidos e provocações várias que suscitam continuamente o riso, mesmo quando refletem sobre assuntos aparentemente sérios e projetos do foro público ou privado. Marcadamente humorística, a peça divertiu toda a plateia que aderiu com entusiasmo à comicidade reinante. 

A iniciativa enquadrou-se no âmbito do projeto “CULTUR’ARTE FERNÃO DE MAGALHÃES”, constante no Plano Anual de Atividades do Agrupamento, visando promover o contacto dos alunos com espaços, manifestações culturais e expressões artísticas, dentro e fora da Escola, interagindo com instituições da comunidade e criando hábitos culturais, projeto dinamizado pela professora de Teatro da Turma, Manuela Tender, que desafiou a Turma a ir ao Teatro na qualidade de espectadores antes de pisarmos o palco como atores, para termos a perspetiva do público e do impacto dos códigos teatrais na construção da mensagem da peça, mas também para podermos fruir a arte e a cultura na nossa própria cidade. Esta ida ao Teatro foi para lá do horário letivo, às 21h30, e contou também com a participação e colaboração da Diretora de Turma, professora Iola Gonçalves, e de alguns Pais que fizeram questão de acompanhar os filhos e de assistir à peça. O sentimento geral, no final, era de satisfação e agrado e de reconhecimento da importância deste tipo de iniciativas que alargam horizontes, criam hábitos culturais e educam para uma cidadania plena e para a fruição artística. 

Alunos do 9.º A e Professora Manuela Tender 

Como já vem sendo habitual, os alunos e professoras do 1º ciclo da EB de Vidago, celebraram do Dia Mundial da Alimentação com a audição de um conto infantil “Batatinha, Batatucha, a mais gorducha”, da autoria da professora Ana Paula Morais, o qual relata um distúrbio de auto-imagem sério que afeta a saúde a “Anorexia”. Em estreita colaboração com a Biblioteca escolar, este evento contou com o apoio do professor bibliotecário Francisco Carreiro e de três alunas do 9º ano, Ema Sousa, Joana Ferreira e Maria Ferreira, que foram as responsáveis da ilustração do conto.

 Um trabalho colaborativo que permitiu às crianças deste ciclo de ensino entender a importância de manter uma alimentação saudável e equilibrada para se poder viver feliz. 

Em conjunto os alunos e as professoras viram também algumas imagens de alimentos trabalhados, recreando formas, animais e pessoas, elaboradas pelo ilustre vidaguense Jacinto Ferreira.

Para culminar esta celebração, em grande grupo, os alunos deliciaram-se no refeitório da escola com uma suculenta salada de fruta, elaborada com muito carinho pelas docentes.

O Dia Mundial do Animal foi celebrado pelos alunos do Pré-Escolar e do 1º Ciclo da EB de Vidago com a audição de uma história “O gato Pirete” da autoria da professora Ana Paula Morais, que este ano leciona nesta escola.

Este é um conto infantil, repleto de valores, cuja finalidade é ensinar às crianças como é difícil a vida dos animais que vagueiam pela rua e que a felicidade está sempre ao lado daqueles que nos rodeiam.

Com muita satisfação, alunos e professoras participaram nesta experiência literária, a qual ajudou a enriquecer um pouco mais o universo didático dos nossos alunos

A autora, explicou depois, que parte da venda dos exemplares deste livro reverteu para ajudar a “Anipur”, uma associação de animais abandonados nas terras de Aguiar.

Outono na Escola

O corredor e as portas das salas do 1º Ciclo da E.B. de Vidago, este ano, vestiram-se com as cores do outono para alegrar desta forma, o nosso espaço escolar.

Alunos e professoras, com esmero e dedicação, realizaram bonitos trabalhos para enaltecer a estação do ano que estamos a atravessar.

Contatos

Projetos